A historinha abaixo foi feita no contexto da exposição coletiva “Do traço ao palco”, na Praça das Artes, da qual participei no final do ano passado, começo deste. A ideia era fazer algo com desenho relacionado ao Teatro municipal (cuja fundação gere a praça das artes), seus bastidores e entorno. Entre outras atividades da exposição, cometi esse quadro-poema estranho, feito meio sem projeto prévio, quase num esquema de livre associação.

tudojunto

Anúncios

Sobre Vitor

Vitor Flynn, 30 e poucos anos. faz quadrinhos, ilustração, projeto gráfico, um tantinho assim de animação e um café joia.
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s